quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Sobre os seres humanos serem ruins...

Está entre o top 10 de coisas que mais detesto: falsa modéstia. Provavelmente fique na frente até de estupradores e políticos corruptos, acredite, mas está exatamente ao lado de gente lugar-comum. Porra, odeio lugar-comum também.
Lugar-comum do dia: seres humanos que usam a frase "seres humanos não prestam". Pense comigo: quando você diz "seres humanos não prestam" ao mesmo tempo que você se inclui, você se exclui porque "ao contrário dos outros seres humanos" você reconhece suas fraquezas e por isso tenta modificá-las. Ou seja, quando você diz "os seres humanos não prestam", você está dando uma de bom mocinho porque está fazendo uma autocrítica, mas a autocrítica é totalmente falsa, pois quando diz isso provavelmente quer dizer "os outros seres humanos, não eu, sou autoconsciente e me mantenho longe dessa crueldade", o que caracteriza falsa modéstia em alto grau.
Agora, outra frase incluindo humanidade não presta é a nova onda: "salve os outros animais e matemos todos nós". Acredite, se você foi estuprado na infância, sua mãe te deu cebion pra chupar durante o caminho a pé pra escola (minha mãe fez isso comigo), se seus namorados te traem, suas amigas são falsas, suas hemorróidas doem e a árvore na frente da sua casa foi podada, isso não faz de TODA A HUMANIDADE uma espécie maldita que deve ser extinta. Acredite, e se você usar essa frase se achando a última bolachinha do pacote reciclável você realmente pode ser extinto sem perda pro resto da humanidade, pois já ouvi isso de no mínimo 10000 pessoas se achando sabichonas também.
Sim, sim, existe guerra, existe violência, mas cá entre nós, achar que MATAR a humanidade é a chave do negócio não está muito longe do mesmo tipo de mentalidade, está? Reflita durante 10 minutos (afinal, você não critica o ser humano justamente por ele ser racional? Então raciocine um pouco, só um pouco...).
Pra mim, esse tipo de vibe: "ai, como nós somos ruins, como os golfinhos são doces e lindos, veja, quem me dera ser um golfinho..." é totalmente imbecil. E antes que você me ache má, ache que eu não reciclo e que eu peido litros de CO2 pra natureza, saiba que eu mijei sangue graças ao magnífico copinho de menstruação, achando que ia evitar de jogar quilos de lixo na natureza, no fim joguei cartelas mais cartelas de remédios para dor e infecção urinária no sacão de "lixo que não é lixo". Eu me esforço pra cuidar da natureza, mas me esforço também pra não ser uma iludida desavisada. Se você recicla, se você evita liberar CO2, parabéns, você NÃO FAZ MAIS DO QUE SUA OBRIGAÇÃO, isso não te faz melhor que os outros. Nem venha com essa de "sou humano, eu sou pior, me sinto tão culpado", faça análise e vai ler autoajuda antes de vir com esse papo se achando inteligente por isso.
E não ache que está sendo um mártir, ou alguém muito inteligente ao considerar que a humanidade é pior do que as outras espécies de animais. Se informe um pouco, veja geographic channel, assista seu gato brincando com um rato morto-vivo pra ver que crueldade não é exclusiva de seres humanos. Nem guerra, tem uma espécie de formigas que guerreiam, sabia? Se contente em saber que os seres humanos SÃO TÃO RELEVANTES E BONS OU RUINS quanto as outras espécies de animais. Desligue a novela, largue um pouco o maniqueísmo, não existe mocinhos e bandidos. E não me venha dizer que "seres humanos são racionais, não deviam...", isso é dizer que você é superior aos outros animais, não o contrário. Será que os outros animais não pensam também? Quem disse pra você que só os seres humanos têm consciência? Outro ser humano? Além do mais, consciência, moral, ética se constrói, nem todo mundo foi educado como você e psicopatas existem, o fato de uns serem "ruins" outros serem "bons" acontece porque ninguém é igual a ninguém, se você quer que todo mundo pense como você, vai ser um bom tirano em outro lugar.
Além do mais, essa é mais complicada: demônios também têm superpoderes. Só existe uma coisa pior do que ser o diabo: ser irrelevante. Você acha que essa sua síndrome de inferioridade é muito bonita, MAS NÃO É. Você só quer se salvar de ser o que você realmente é: nada demais. Você não é o pior ser do mundo, nem o melhor, acostume-se com isso.

8 comentários:

Djuli disse...

Uma outra frase que eu lembrei quando estava lendo: "Os homens nao prestam!". Geralmente é seguida por um enredo que envolve um cafa ou um carinha que nao ligo no dia seguinte Eu SEMPRE tive azar com homens (excluindo os meus amigos!) e nem por isso acho que todos nao prestam.

Porque sim, prestam! Pode nao ser pra voce, mas algo util eles fazem.

Ri em varias partes do texto. Nao defendo nem a ideia do ser humano nao prestar ou dos animais serem superiores. Cada um é cada um. Logico, tenho raiva constante de um grupo seleto, mas sao ELES (do grupo!) que nao prestam. Como é que vou generalizar toda a humanidade, que eu sequer conheço?!

Frase imbecil mesmo. mas deixa, como se cada um de FATO fizesse sua parte, né!? Se ficassem falando e tomasse alguma atitude nem era o caso. Mas revolução de Twitter realmente nao dá.

Como já diria um amigo Sasqua:"Voces REALMENTE acham que escrever #revoluçao e postar faz algum efeito!?".

Djuli disse...

Uma outra frase que eu lembrei quando estava lendo: "Os homens nao prestam!". Geralmente é seguida por um enredo que envolve um cafa ou um carinha que nao ligo no dia seguinte Eu SEMPRE tive azar com homens (excluindo os meus amigos!) e nem por isso acho que todos nao prestam.

Porque sim, prestam! Pode nao ser pra voce, mas algo util eles fazem.

Ri em varias partes do texto. Nao defendo nem a ideia do ser humano nao prestar ou dos animais serem superiores. Cada um é cada um. Logico, tenho raiva constante de um grupo seleto, mas sao ELES (do grupo!) que nao prestam. Como é que vou generalizar toda a humanidade, que eu sequer conheço?!

Frase imbecil mesmo. mas deixa, como se cada um de FATO fizesse sua parte, né!? Se ficassem falando e tomasse alguma atitude nem era o caso. Mas revolução de Twitter realmente nao dá.

Como já diria um amigo Sasqua:"Voces REALMENTE acham que escrever #revoluçao e postar faz algum efeito!?".

Queen of Madness disse...

Eu ainda odeio a humanidade, FATO!!!
Ainda prefiro bichos, FATO!!!
E ainda pretendo desencarnar dessa merda de mundo o mais rápido possivel, FATO!!!
O mundo todo é uma bosta e vamos acabar igual no filme Wall-E,soterrados no nosso próprio lixo, FATO!!!

Giulia Helena disse...

esse negócio da #revolução é igual ao #forasarney... pessoal postava isso se achando os ativistas, mas ir pras ruas fazer um protesto, neca.. né? e quando era pra colocar uma fotinha verde como protesto... Teve gente que colocou e nem sabia direito do que se tratava...

Nik Coelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nik Coelho disse...

'...assista seu gato brincando com um rato morto-vivo pra ver que crueldade não é exclusiva de seres humanos'
/jafizmuitoisso

hahahahahaha

Adorei o texto!!
mas o pior de tudo é o povo que ao invez de jogar o lixo na rua, joga no lugar apropriado e acha que ta fazendo um holocausto!
Oi, vc só fez sua obrigação!?
Acho ridiculo.
Enfim

bjs

Rafix disse...

mandou bem marcely

a marcely sempre posta as melhores paradas aqui do blog

en porcelain. disse...

Ah, Marce, eu não sabia que o problema que você teve foi por causa do copo de menstruação! :X

Realmente, EU também acho ridículo isso de falar que a humanidade não presta, homens não prestam, vamos salvar os animais porque somos cruéis. Isso tudo é babaquice. É ser inocente demais, e bem arrogante também. É arrogante ser vegetariano e xingar os omnívoros porque comem como um ser humano normal (não estou ofendendo ninguém, só digo que o normal é ser omnívoro). Se achar o dono da verdade é ridículo, e esses tr00 ambientalistas e eternos reclamões me dão nos nervos.


:D